Preikestolen | Receitas de Ferdi

Olá, seja bem-vindo ao mio blog! E se é a tua primeira vez aqui, saiba que este post é a continuação do post “O que fazer em Stavanger“. Portanto dando continuidade a nossa série sobre Stavanger, hoje vou contar um pouquinho da minha experiência na trilha do Preikestolen.

aproveitamos maravilhosos pores do sol tardio típico da Noruega.

Quer saber mais? Então continue lendo pra saber sobre “O que fazer em Stavanger ”.

Você poderá gostar também de:

O que fazer em Nydri-Grécia

 

O que significa Preikestolen?

Preikestolen significa “lugar de adoração” | Receitas de Ferdi

Primeiro de tudo explico que o significado do Preikestolen é religioso e significa “lugar de adoração”.
Como eu disse no último post, o Preikestolen é uma impressionante falésia que fica a 604 metros acima do fiorde Lysefjorden, com aproximadamente 25×25 metros quadrados. Segundo que ele é chamado de Preikestolen em norueguês e de Pulpit Rock em inglês. Pra chegar nessa pedra, é preciso fazer uma trilha de cerca 8 km.
Por último, mas muito importante porque muita gente se confunde é que Preikestolen é o nome dado ao lugar e a cidade onde é localizada se chama Tau. A cidade é localizada cerca de 1 hora de Stavanger com ferry.

Vamos partir da Oslo, ok!

Oslo

De Oslo para Stavanger você vai com o trem da companhia NSB e a passagem você compra ali mesmo dentro na estação, nos guichês ou caixa eletrônico. Vai demorar mais ou menos umas 7 horas pra você chegar lá, então relaxa e aproveita para admirar a paisagem.

Hospedagem

O modo mais simples e conveniente é você alugar um quarto ou hotel em Stavanger que também é uma bela cidade para visitar ou, se preferir em Tau. Mas, eu não aconselho porque não há mais nada que fazer por lá por isso é mais interessante partir de Stavanger e retornar para lá.
Nós ficamos hospedados em Stavanger e você pode encontrar mais aqui.

Transporte

Não existe uma opção de ir de ônibus direto de Stavanger até a trilha com transporte público. Por isso, chegue um dia antes, se puder, e compre a passagem do Ferry + ônibus, de ida e volta. O custo é de cerca de 400 coroas norueguesas, como por exemplo, gofjords.com.

Horário para o Ferry

 

Pra ir pra Tau você vai precisar acordar cedo e ir caminhando até ao porto para pegar o Ferry as 7:30/8:00 da manhã. Pegue a primeira barca disponível para Tau porque muitos erram e depois ficam sem trasporte para voltar para Tau, ou pior ainda, descem correndo para pegar o último ônibus. A viagem vai demorar cerca de 1 hora, mas você vai ser recompensado com paisagens lindas durante a viagem.

Tau

Em Tau você vai pegar um ônibus que parte de hora em hora até o início da trilha do Preikestolen. Aí é só sentar no ônibus e esperar uns 40 minutos até chegar no início da trilha.
Lá em cima não tem quase nada de comércio, então leve algo para comer e beber. Antes de subir você encontra banheiros, Wi-Fi, água limpa e grátis para beber. Tem até um restaurante com pousada e uma loja de souvenir, mas eu não posso dizer nada porque não entramos.

Início da trilha

Preikestolen Início da trilha | Receitas de Ferdi

Ok, agora você está no início da trilha e só tomar coragem e colocar um pê na frente do outro e subir.
A caminhada dura por cerca de 1 hora e meia / 2 horas de ida e retorno, total 4 horas; mas isso vai depender do seu ritmo e condições físicas. O nosso tempo foi de 3 horas no total 🙂
Antes de começar a trilha, você encontra um mapa com a descrição do percurso, que diz que até cães podem fazer a subida, interessante né!?
A trilha pode ser feita sem guia, é só seguir as placas e o caminho que não tem erro.

No caminho

No caminho do Preikestolen | Receitas de Ferdi

Não tem muita dificuldade no começo da caminha, somente depois do primeiro km é que a subida fica um pouco mais difícil com muitas pedras soltas e outras molhadas. Tem também alguns pedaços com esteiras de madeira pra facilitar a caminhada. Mas graças a Deus não levei nem um arranhão para casa, oba! Porém, a parte mais difícil pra mim foi as escadarias e degraus de pedras; fiquei com muitas dores nos músculos.

Descida

Tinha muito menos pessoas na trilha e foi muito mais confortável fazer essa decida.

Minha experiência

Top do Preikestolen | Receitas de Ferdi

Essa foi a primeira vez que senti aquela magia que muitos relatam sabe, de chegar no topo e ver que todo aquele esforço, valeu a pena. Senti um bem-estar e uma sensação inexplicável que não consigo descrever com palavras.
Vi vistas lindas ao longo do caminho, tirolesa, os lagos que se formam com a chuva, o fiorde e muito mais.
Nunca vou me esquecer dessa viagem e desse lugar, foi realmente INCRÍVEL, vale super a pena ir até lá!

12 dicas para iniciantes

  1. Não subestime o vento que pode ser muito forte em alguns dias e você pode perder objetos pessoas, tais como: óculos, bonés, lenços e outros;
  2. Não saia do caminho demarcado!
  3. O verão norueguês é a melhor época para fazer essa caminhada;
  4. Eu recomendo que você preste atenção nas roupas, que devem ser: leves, tênis confortável ou botinha apropriada para trilha e de preferência que cubra o tornozelo;
  5. Uma capa de chuva que vai servir também para o vento gelado que sempre tem;
    Algo para comer e beber;
  6. Não se esqueça também que é importante levar e USAR o protetor solar!
  7. Quase toda a subida – tirando o começo da trilha – é de rochas. Então preste atenção para não pisar em falso pois é relativamente fácil torcer o pé nas frestas entre as rochas;
  8. Confira as condições climáticas – que mudam muito rapidamente na Noruega, especialmente nesta área – no dia anterior e também antes de sair para fazer a trilha, você pode conferir para o clima nesse site yr.no que está entre os melhores do mundo;
  9. Não voltar muito tarde para o estacionamento; o último ônibus sai às 18h30, então verifique os horários!
  10. Se você não tem costume de fazer trilhas, caminhadas ou esporte, eu te conselho de começar a fazer algumas para iniciantes alguns meses antes. Não é um passeio que você faz sem esforços, você tem que estar em boa forma física e ter um mínimo de preparação, porque alguns pontos da subida é bastante desafiante. Na subida você vai ver até mesmo crianças de 6 anos de idade, mas eles são noruegueses!!!
    Leve mochila leve com somente o essencial para não cansar na subida;
  11. Você não verá nada se houver neblina ou chover la no topo. Isso acontece com frequência e o jeito é se organizar antes;
  12. A subida tem nível médio e a altura é de 604 metros.
Olha nós aí no Preikestolen | Receitas de Ferdi

 

Lá em cima você vai ser recompensado por uma das vistas mais lindas que já vi! Tem fiordes, montanha, ar puro e quem sabe céu azul e sol também:)

Recadinho: O post tem poucas fotos porque infelizmente eu perdi a pasta que haviam umas bem legais, mas consegui coletar algumas fotos do meu namorado.

Até o proximo post !!!
xoxo

Facebook Comments

Deixe aqui seu comentário